quinta-feira, 13 de junho de 2013

[RESENHA] A Pousada Rose Harbor - Debbie Macomber

Há livros que, no momento em que eu acabo de ler a sinopse, já imagino que vou gostar muito da leitura e automaticamente, as expectativas só aumentam. Particularmente, isso não acontece com frequência. Mas felizmente aconteceu com "A Pousada Rose Harbor" e, ao concluir a leitura, senti uma tranquilidade tão agradável, que chegou a ser incrível. E sim, pode acreditar, a história consegue proporcionar isso.

Edição: 1
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581631530
Ano: 2013
Páginas: 352
Nota: (4/5)
A busca por um novo começo pode levar a grandes revelações. Jo Marie Rose decide comprar uma pequena pousada, como forma de superar a morte do marido. Mal sabe ela que as surpresas que a esperam nessa nova empreitada. Seu primeiro hóspede é Joshua Weaver, que voltou para casa para cuidar de seu padrasto doente. Os dois nunca se conheceram pessoalmente e Joshua tem alguma esperança de que possam conciliar suas diferenças. No entanto, uma habilidade de Joshua há muito perdida prova que o perdão nunca está fora de alcance e que o amor pode florescer onde menos se espera.
A outra hóspede é Abby Kincaid, que retorna a Cedar Cove para comparecer ao casamento do irmão. De volta pela primeira vez em 20 anos, ela quase deseja não ter ido, devido às memórias trazidas pela pitoresca cidade. E conforme Abby se reconecta com sua família e seus velhos amigos, percebe que só pode seguir em frente se permitir-se verdadeiramente a isso.


Infelizmente, Jo Marie perdeu seu marido em um acidente trágico. Algo que ela jamais imaginou que viveria. Para mudar sua vida completamente, ela decide morar na cidade Cedar Cove e ao chegar lá, compra uma pousada. Inesperadamente, seus dois primeiros hóspedes estão vivendo momentos de crise e em busca de respostas e soluções.

Abby Kincaid não imaginava que teria que retornar para Cedar Cove. Seu irmão irá se casar. Desde que perdeu sua melhor amiga, em um acidente de carro, no qual ela dirigia, nunca mais foi a mesma. Desde que foi noticiada da fatalidade, ela se enche de culpa e acredita veemente que foi a responsável por tudo.

Joshua Weaver retorna à cidade de Cedar Cove a pedido da sua ex-colega de escola, Michelle. O seu padrasto tem poucos dias de vida e está muito doente. Entretanto, a sua relação com ele é baseada apenas em rancor e ódio. Então, ele precisará superar esses sentimentos e aprender a perdoar.

Será que todos conseguirão enfrentar seus medos e problemas pessoais, conseguir mudar e seguir em frente? 

"Os dois tinham voltado com fardos nas costas a Cedar Cove, seu antigo lar. Mas eu mesma carregava vários. Percebi que cada um de nós leva sua carga, alguns mais que outros. Algumas pessoas ficam tão acostumadas ao peso extra que parecem não ter mais consciência dessa bagagem."
Pág.: 190

É impossível não se identificar, em algum momento da leitura, com as personagens criadas por Debbie Macomber. Toda a história em si, possui muitos elementos que a torna palpável. As personagens são tão humanas, com erros e acertos, defeitos e qualidades, que de alguma forma, eu percebi que criei um vínculo especial com cada uma delas. Houve momentos em que eu não concordei com determinadas atitudes, mas acredito que este era um dos intuitos da autora. Ninguém é e nem muito menos consegue ser perfeito sempre.  

Os dramas pessoais de cada personagem são tratados de forma até mesmo pessoal entre leitor e personagem. Isso é ótimo. Acho interessante quando determinados autores conseguem me proporcionar essa relação íntima com a história, de uma forma profunda, que aos poucos, vai se intensificando. 

O enredo da história é simples. Não há acontecimentos surpreendentes ou reviravoltas. No entanto, é justamente por possuir um enredo assim, que a história se desenvolve de forma agradável. Mas deixo bem claro que o desenvolvimento é lento. O recomendável é desfrutar a leitura de forma calma, despreocupada e sem grandes expectativas. Assim, o leitor poderá acompanhar e se envolver ainda mais com a história, tendo bons, agradáveis e tranquilos momentos. E a narrativa é uma delícia. A Debbie sabe como conduzir a história de uma forma interessante. 

A personagem que mais me cativou foi a Jo Marie. Há características na personalidade da personagem que me fizeram ficar encantado com ela. Possui determinação, coragem, simpatia... Até a maneira como ela enfrenta seus dramas pessoas é interessante de se acompanhar.

Concluindo, foi muito bom poder acompanhar a trajetória de cada personagem, para enfrentar seus "monstros" pessoais e acima de tudo, superá-los. O final não foi como eu esperava e não foi totalmente satisfatório. Provavelmente terá continuação. Estou aguardando o próximo livro e eu sinceramente acredito que será ainda melhor. Em suma, indico a leitura e espero que cada leitor se envolva e curta essa história tão singela e agradável.

RECOMENDO!






20 comentários:

  1. Boa tarde Leandro,

    Esse livro esta na minha lista de espera de leituras....e com muita expectativa e pela sua resenha não me decepcionarei...parabéns pela resenha...abçs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Bom saber que tu gostou...Não o li ainda, mas pretendo ler em breve.
    Não leio sinopse, elas entregam o livro inteiro ^^
    Brubs
    Livros de Cabeceira
    @IWannaRuffles

    ResponderExcluir
  3. Migo gostei da sua resenha, mas confesso que esse livro nao chamou muito minha atenção!!!! E essa questão de ele dar brecha para uma continuação me desanima um pouco mais!!!
    Mas achei muito legal vc apresentar na resenha o que o leitor pode encontrar no livro!!! Enfim parabéns!!!!
    Te espero lá no Leituras, vida e paixões!!!!

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pela resenha Leandro! Estou ansiosa para ler A Pousada Rose Harbor! Abraço!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Leandro, parabéns pela resenha, não tinha me interessado muito pelo livro antes, mas acabo de coloca-lo na minha lista de livros a serem lidos.

    Quando eu fizer a leitura te falo o que achei.
    Abraços

    Relíquias
    http://reliquiasaline.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Tô imensamente interessado nele, todos falam que a autora tem um narrativa gostosa e ágil, e procuro isso atualmente. Espero gostar tanto quanto você!
    Abraços cara!

    ResponderExcluir
  7. A capa do livro é linda!! Quero ler só por ela!
    Abraço,
    Vinícius - Livros e Rabiscos

    ResponderExcluir
  8. Faz tempos que não passo por aqui... seu blog tá lindo! :)
    E essa resenha adorei, o livro deve ser ótimo!

    Abraços...
    http://delivroemlivros.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  9. Oi Leandro.
    A Pousada chamou minha atenção pela capa logo que lançou, a sinopse não me atraiu tanto, e conforme fui lendo resenhas percebi que não era exatamente o que eu imaginava.
    A sua resenha está perfeita, direta e clara, mas eu estou evitando dramas, só mesmo os que já estão na fila de parceria.

    Beijos
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  10. Está na minha listinha de desejados esse livro.
    Parece ser uma leitura boa.
    Confesso que não gosto de leituras lentas demais. Gosto de devorar os livros rs.
    E esse tem cara de ser um pouco devagar mesmo.
    Mas assim mesmo espero poder ler ele em breve.
    Adorei sua resenha.


    Beijos
    http://caroleblablabla.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi.
    Que bom que é uma leitura agradável e leve. Estou querendo ler há um tempo, mas meu exemplar retornou para a editora e não tenho previsões de quando será reenviado.

    Adorei a resenha.

    Abraço.
    http://glowofthemoonlight.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá, Leandro! Bom, pelo visto a leitura é bem leve e os personagens são agradáveis. Quando este livro foi lançado, fiquei muito curiosa em lê-lo, pois a achei a capa e a sinopse interessantes. Contudo, enquanto estava no Skoob, vi uma resenha curta a respeito do título em questão e desanimei quase cem por cento de efetuar a leitura: disseram que o livr é muito morno e ruim, sem nenhum acontecimento que deixe o leitor mais interessado em prosseguir a leitura. Isso me desanimou.
    Beijo!
    Doce Sabor dos Livros - Visite!

    ResponderExcluir
  13. Hey Leo
    O livro parece ter esse dramazinha, legal de acompanhar.
    Li por aí que teria uma série de TV, lendo sua resenha não identifiquei o porquê disso, acho que combina mais um filme HAHA

    Imagino que o final seja bonitinho. A capa do livro, meio que transmite isso.

    E aliás, adorei saber que você curtiu a protagonista, um ótimo incentivo para começar a leitura.

    bjs
    Nana – Obsession Valley

    ResponderExcluir
  14. Oie Lê =)

    Todo mundo está falando muito bem desse livro e eu não vejo a hora de poder conferir por mim mesma essa história *---*

    Adoro história nesse estilo, principalmente quando os protagonistas são marcantes.

    Ótima resenha!

    Beijos e uma ótima semana;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
  15. Não sou grande fã de leituras assim, mas confesso que esse livro me interessou. Sei lá, esse lance de histórias entrelaçadas (nesse caso, pelos hóspedes, e partindo do princípio da tal pousada) é muito maneiro.

    ResponderExcluir
  16. Oi Leandro! Eu gosto de livros que tenham personagens com os quais conseguimos nos identificar, isso aproxima o leitor da história. Acredito que vá gostar muito deste livro, os pontos citados por você na resenha mostram uma trama muito interessante.
    Bom domingo.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  17. Hum...esse é um livro que logo que vi o lançamento fiquei louca para ler! Pelo que li sobre a história acho que vou gostar.
    Beijos!
    Bom começo de semana.
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma.

    ResponderExcluir
  18. Tenho lido opiniões bem positivas com relação a esse livro e estou bem curiosa para lê-lo. Ótima resenha!!

    *bye*

    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Olá!

    Gostei muito do seu blog e estou retribuindo sua visita e vou acompanhar as próximas postagens. Já ouvi falar desse livro, mas é a primeira resenha que leio. Gostei da simplicidade que a história parece ter e tudo se desenvolvendo em seu tempo.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Cheguei a ver na livraria mas não comprei, não sei se é o tipo de leitura que estou a procura agora, mas gostei da resenha!
    vestindo-ideias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Comente com moderação!